Como funciona um centro de distribuição?

De extrema importância para o processo de logística como um todo, inclusive para o bom funcionamento da cadeia de suprimentos (supply chain), o centro de distribuição, também chamado de CD,é o espaço físico destinado ao armazenamento e recebimento de mercadorias, assim como à separação e ao envio de produtos aos clientes, entre outras funções.

Mas, como funciona um centro de distribuição? Em resumo, seu principal objetivo é garantir a entrega de um item, gerando uma boa experiência ao consumidor final. Entenda agora todos os detalhes deste local.

Leia mais: Qual a Importância do controle de estoque?

Conheça os 5 principais pilares de um centro de distribuição

Para que tudo saia em conformidade, existem diversos setores dentro de um CD, cada um com uma função específica.

Confira abaixo quais são os cinco principais pilares de um centro de distribuição:

  1. Recebimento de mercadorias: certamente, essa é a base dos demais processos. Trata-se de uma operação realizada frequentemente e muito importante para a logística. Dessa forma, os times precisam ser ágeis para organizar o trabalho de carga e descarga dos caminhões, bem como para realizar o trabalho manual e a conferência dos itens e da documentação.
  2. Movimentação da carga: assim que os produtos entram no CD, é necessário que os procedimentos sejam organizados para uma correta movimentação desses produtos na unidade física. O cuidado com a circulação das máquinas envolvidas no trabalho e com a limpeza também fazem parte deste capítulo.
  3. Armazenamento: com toda a certeza, esta parte do processo é uma das que exige maior atenção. Desse modo, o ideal é que as mercadorias não fiquem armazenadas por muito tempo e que elas sejam guardadas de forma adequada e organizada.
  4. Separação de itens: essa é a última fase em que a empresa faz o controle dos produtos. De maneira geral, retirar as mercadorias armazenadas no centro de distribuição e prepará-las para a expedição é o mote desta etapa. Para isso, é extremamente importante seguir as documentações, bem como evitar erros e retrabalho.
  5. Expedição (entrega ao consumidor final): depois de tudo que foi citado, chega a hora em que os produtos serão levados do CD até o cliente final. Essa parte do processo pode ser terceirizada ou feita por colaboradores internos, dependendo da estrutura e do modo de agir da empresa.

Leia também: Aduana: saiba o que é e qual sua função

Vale a pena investir em um CD?

Inegavelmente, existem alguns benefícios de se contar com os serviços de um centro de distribuição.

Acompanhe alguns deles:

  • Mais eficiência na movimentação de mercadorias,
  • Redução de custos;
  • Concentração dos produtos somente em um local;
  • Maior agilidade nas operações logísticas;
  • Melhoria na experiência do cliente.

Indicação de leitura: O que é comércio internacional?

6 pontos essenciais na gestão de um centro de distribuição

Uma boa gestão em um CD envolve alguns fatores estratégicos. Contudo, isso exige muita experiência dos colaboradores que estão à frente das tarefas.

Veja 6 dicas importantes para que um centro de distribuição tenha eficácia na sua rotina:

  1. Inventários Cíclicos: O inventário é uma das questões essenciais para uma boa gestão da supply chain.O ideal é fazê-lo periodicamente, para diminuir o índice de perdas e permitir que o gestor consiga tomar decisões mais acertadas, visto que, com isso, ele poderá atuar nos problemas com mais agilidade;
  2. Layout estratégico: É interessante projetar um layout que garanta a proximidade dos produtos que ofereçam maior demanda aos pontos de entrada e saída, com uma altura acessível. Isso diminui a distância a ser percorrida e a dificuldade para alcançar as mercadorias, otimizando a operação;
  3. Softwares de gestão: A tecnologia é uma das principais aliadas da gestão de um centro de distribuição. Utilizando softwares de gestão você conseguirá automatizar os processos, reduzir as falhas operacionais e aumentar a produtividade das equipes;
  4. Gestão de entregas: Gerenciar corretamente os prazos de entrega é fundamental. Assim sendo, controlar quais mercadorias precisam ser entregues em determinadas datas evita atrasos e propicia a satisfação do cliente;
  5. Roteirização: Criar um roteiro claro e otimizado com todos os pontos pelos quais o transportador irá passar diminui o tempo das entregas, gera economia de combustível e garante que o consumidor final receba seu produto com mais agilidade;
  6. Indicadores e melhoria contínua: Certamente, os indicadores ajudam a mensurar a qualidade e o desempenho dos serviços. Portanto, comece definindo quais indicadores são mais importantes para sua empresa e quais metodologias serão usadas para obter esses dados. Faça reuniões frequentes com os gestores, analise as informações obtidas, sempre visando melhorar o processo.

Não deixe de ler: Desembaraço aduaneiro, saiba o que é e como funciona

Como a Descartes pode te ajudar?

Nosso conjunto de soluções permite que sua empresa faça os melhores negócios e tome decisões assertivas. É o que chamamos de Global Trade Intelligence, pois com dados globais em mãos, você poderá obter potenciais insights para seguir a direção correta.

Maximize as margens, encontre novos clientes, fornecedores em potencial e analise parceiros comerciais por meio de uma ampla gama de comércio global, direitos, tarifas, acordos e regulamentos mundiais.

Conheça um pouco das nossas plataformas que podem potencializar sua atuação nos processos logísticos:

  • Datamyne : é uma ferramenta de Big Data do comércio internacional que reúne transações comerciais de mais de 80 países em uma única interface simples e intuitiva. Dessa maneira, você terá um dos maiores bancos de dados do mundo à sua disposição. O software fornece inteligência acionável para pesquisa de mercado, visão de vendas, gerenciamento da cadeia de suprimentos, segurança aprimorada e estratégia competitiva.
  • CustomsInfo GTIM : Te leva todas as informações aduaneiras necessárias para minimizar as barreiras comerciais, fornecendo dados valiosos que impulsionam a assertividade dos processos na sua empresa. A solução trabalha com “códigos HS” e descrições por país, assegurando o controle das cotas de mercadorias e a gestão do risco para a cobrança das tarifas. A plataforma automatiza e digitaliza o processo de classificação aduaneira, gerando mais produtividade ao seu time.
  • Visual Compliance : é uma ferramenta completa de Due Diligence comercial. Ela consegue analisar profundamente possíveis parceiros comerciais, garantindo o pleno cumprimento das normas de segurança e compliance, evitando multas e sanções.
  • e-AWB (Air Way Bill eletrônica): trata-se de um sistema online que facilita os seus processos aduaneiros. Esse documento eletrônico padroniza e automatiza as operações de gerenciamento de carga aérea e frete, reduzindo custos e tarefas manuais. Dessa forma, oferece rapidez nas ações, menos burocracia e mais sustentabilidade para a sua empresa. A plataforma também possibilita a atuação dentro dos melhores padrões de compliance e segurança de dados.

Venha conversar com um de nossos especialistas! A Descartes pode te ajudar a trabalhar de maneira mais inteligente, facilitando o acesso e a análise dos dados comerciais globais.